Medo de dirigir? Saiba como superar

Você costuma ter medo de pegar no volante? Apesar de comum, é super possível abandonar este medo.

O receio em pegar no volante está longe de ser algo incomum, como muitas pessoas acham. Inclusive, essa ansiedade de dirigir atinge aproximadamente dois milhões de pessoas no Brasil, de acordo com a Associação Brasileira de Medicina de Tráfego, a Abramet.

Infelizmente muitas pessoas acham que a maioria desse público são as mulheres, mas o mesmo estudo aponta que 80% dos cidadãos que possuem esse medo possuem CNH e são homens e mulheres, de inúmeras idades.

Esse receio de pegar no volante é conhecido como amaxofobia e faz com que as pessoas se sintam incapazes de dirigir. Elas acabam suando e tendo suas frequências cardíacas aumentadas quando pensam em situações de catástrofe.

Isso pode ocorrer tanto ao entrar em um carro, mas também quando as pessoas pensam em dirigir. Infelizmente, não existe tecnologia automotiva que faça uma mudança nessa situação. Entretanto, os especialistas explicam o porquê desse medo e como superar. Confira nos próximos tópicos.

Imagem: Pixabay

De onde vem esse medo de dirigir?

A amaxofobia aparece como qualquer outro tipo de medo, ou seja, baseado nas experiências negativas ou positivas que atravessamos durante as nossas vidas. Todo esse processo se chama aprendizado, e é comum.

Ao contrário do que muitos pensam, sentir medo é algo bem comum, sendo esse um processo que você treinou para que ocorresse, assim como andar de bicicleta, cozinhar ou escovar os seus dentes.

A sensação desagradável quanto ao manejo do volante do carro aparece em função da associação que você faz com a direção.

Caso você seja uma pessoa que sempre dirigiu o carro em determinada situação onde você caiu no sono e gerou um acidente, por exemplo, essa experiência vai gerar um medo ligado ao fato de dirigir por conta desse trauma.

Como melhorar o medo de dirigir?

O receio é o estado psíquico que acaba aparecendo quando pensamos nas situações desastrosas que acabam acontecendo em um futuro breve. Portanto, quanto mais pensamos nesse momento, maior vai ser o medo e mais difícil fica para a gente conseguir fazer o que pretendemos.

Por isso, o importante é abstrair e começar uma ação, como dirigir, sem ficar pensando muito nesse fato. Pegue o seu carro e vai dar uma volta pelo bairro, se concentrando somente em seguir todas as orientações do trânsito. Pode começar aos poucos, até porque o importante mesmo é começar.

Esse medo também pode ser gerado graças a uma cobrança e pressão de outras pessoas. Portanto, quando for dirigir, escolha uma pessoa que evite ficar te criticando ou que fique te apontando os erros banais.

Dê prioridade para as pessoas que apontam as suas qualidades e que são cautelosas no uso das palavras, aquelas que dão dicas objetivas sem te ofender ou ofender a sua direção quando você errar.

Perder o receio de pilotar vai ser um desafio grande e vai demandar um grande esforço de sua parte, por isso, tente ter um cronograma para aprendizado. Tente montar um calendário de suas atividades, delimitando exatamente o que vai ser feito em cada dia que for pegar no volante.

A dica mais importante é: acreditar em você mesmo. Quando for abrir a porta do seu carro, tenha total certeza de que você é uma pessoa capaz de dirigir, independente de suas experiências do passado ou do que as outras pessoas vão te dizer.

Você é como qualquer pessoa, e possui todos os requisitos para ser um bom ou boa motorista. Basta treinar, dia após dia, que você vai atingir os seus objetivos.

Precisa de ajuda profissional?

Em último caso procure uma ajuda profissional. Na verdade, essa opção pode ser tomada a qualquer momento, independente de qualquer coisa. Muitas pessoas mantêm um tabu a respeito de ajuda profissional.

Infelizmente, quanto mais tempo a pessoa passa com o medo de dirigir, mais difícil fica de perder ele. Portanto, é necessário compreender que nos casos mais graves as dicas desse artigo podem acabar não servindo.

Um profissional vai acabar te orientando e te ajudando com psicoterapia devida em seu processo até você perder esse medo de dirigir.

Imagem padrão
Edson

Iniciando o primeiro período na faculdade de cinema e redator. Trabalhando com a escrita desde 2018, sempre encarei os meus textos com grande responsabilidade, e escrever sobre finanças e economia não vai ser diferente. Descomplicar esses temas para o público geral com certeza é o meu maior desafio, e espero que vocês me acompanhem nessa.

Deixar uma resposta